Comparativo: a diferença entre o consumidor de loja virtual e de loja física

0
diferença consumidor loja física e loja digital

Nos últimos anos, com a advento da internet, a maneira como as pessoas compram e vendem se transformou ao redor do mundo. 

Mais do que isso, as novas tecnologias têm impactado diversas áreas da vida moderna, como a forma que nos comunicamos e consumimos informação. 

Gradativamente, a população passa por um processo de mudança e adaptação, adequando as inovações ao seu dia a dia e suas preferências de uso. 

Assim, quando falamos de comércio eletrônico, ainda não são todas as pessoas que aderiram à modalidade. 

Quer entender os porquês e quais as diferenças entre o consumidor de loja virtual e de loja física? Confira este post até o final! Vamos lá? 

Quais são as principais características do consumidor de loja física?

O consumidor de loja física que retratamos aqui é o indivíduo que não faz nenhum uso do comércio eletrônico em suas compras. 

Esse perfil, embora tenha diminuído consideravelmente, ainda compõe boa parcela do mercado brasileiro. Listamos suas principais características abaixo: 

Cita a segurança como principal barreira 

Histórias de fraude, clonagem de cartão e divergências entre o produto requisitado e o entregue são algumas das conotações que e-commerce traz para muitas pessoas. 

Embora os problemas de segurança aconteceram — e ainda acontecem — esporadicamente, o segmento evoluiu muito na área de segurança. 

Entretanto, o consumidor de loja física ainda tem uma atitude temerosa em comprar pela internet pelo medo de ser lesado de alguma forma. 

Tem menos acesso à tecnologia 

Apesar da constante expansão, o acesso à internet no Brasil ainda é baixo quando comparado a países de primeiro mundo. 

Enquanto 64,7% da população brasileira está conectada, a média na Europa é de 84%. 

Portanto, ainda existe uma parcela da população que não tem acesso a essa tecnologia e todas as suas vantagens, como a compra online. 

Alega que precisa tocar o produto antes de comprar

Outra característica desse perfil de consumidor é alegação de que precisar ver e tocar o produto pessoalmente antes de realizar a compra. 

Entretanto, para prevenir possíveis arrependimentos em compras online, foi criada uma lei que garante a devolução de qualquer produto, comprado via internet ou telefone, no prazo de 7 dias. 

Dessa forma, caso o que for entregue não corresponder às expectativas, é possível trocar ou até mesmo desistir da transação. 

Quais são as principais características do consumidor de loja virtual?

Do outro lado temos aquele consumidor que preferencialmente realiza compras pela internet.

Dentre suas razões para isso, podemos citar as principais: 

Busca um leque maior de opções

O consumidor de loja virtual encontra um número de opções substancialmente maior se comparado às limitações do comércio físico. 

Assim, em um cenário de e-commerce desenvolvido como o brasileiro, é possível encontrar centenas de lojas vendendo diversos produtos e serviços. 

Preza pela conveniência

Atualmente, problemas de trânsito e estacionamento são uma constante nas grandes cidades brasileiras. 

Por tal razão, ter a possibilidade de comprar sem precisar sair de casa é algo muito atraente para o consumidor de loja virtual. 

Dessa forma, é possível evitar transtornos relacionados à locomoção, filas e escassez de opções. 

Quer preços competitivos

O grande número de lojas virtuais e produtos ofertados traz uma competição sadia que reflete em bons preços para os consumidores. 

O mesmo não pode ser dito quando a concorrência é limitada pelo espaço físico e as opções são mais escassas. 

Portanto, existem diversas vantagens em optar pelo comércio eletrônico, o que tem se traduzido no constante aumento de consumidores e lojas na internet. 

Gostou de aprender sobre a diferença entre o consumidor de loja virtual e de loja física? Então continue a leitura e veja os principais termos de e-commerce que você precisa conhecer. 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here